Me tirem deste trem desgovernado chamado humanidade…

 

Agora!!!
Eu não quero participar do seu jogo sujo, eu não sou um soldadinho de chumbo, em minhas veias corre sangue, e eu tenho zelo por sua vermelhidão, eu não pedi pra nascer, então, eu não quero você, deixe-me em paz, eu não vou  em guerra alguma, não vou comprar posição nenhuma, não vou votar no seu candidato favorito ou torcer pro seu time, não, eu não vou rezar para o seu Deus morto, não vou me vangloriar por minha moralidade subjetiva, não vou falar de amor e de fazer o bem, desumanizando outrens, não, eu não vou acreditar que todo mundo é igual, também não vou crer que sejamos tão diferentes assim, deixe-me em paz e eu vos deixo ir, com seu trem desgovernado, sua Maria fumaça soltando crack pelos trilhos, de pedras e Matos baixos, deixe-os se estragarem, se consumirem, dando às costas para a verdadeira compaixão, para a sabedoria, eu não quero teu ópio de alegria, eu não preciso porque a sinto, mesmo em uma nuvem fria, gélida como meu pulso, franca como meu curso, de caminhar, sábio, poeta ou filósofo, nomes estes lá trilhar, andando mais e mais pra longe, os deixarei, me deixe também, me encontro no desencontro, no soluçar, eu não quero o teu pranto, quero andar, sou tão cansado e débil, minhas pernas não me aguentam, disto eu sei, vá com o trem sem maquinista, vá rezar por certezas vãs, vá seu louco e me deixe são, ciente de mim mesmo, um parasita mal sucedido, aquele que ri de planos em pensamento, de vitórias que não existem, que não aconteceram, quero chamar quem é igual a mim, ou similar que seja, venha cá se assim deseja, eu vou lhe mostrar e você, me ache, se se achar, eu lhe conto, mil encantos, viver cada respirar, mas não se anime, você terá que me animar, a evolução humana não se dará por prédios grandes, mas pela loucura do melancólico, a espalhar, de ventre em ventre, de sexo em redes, de índios pálidos, de todas as cores, mas de casais iguais também, o novo humanizar é do louco são, e não de reis, monarcas são todos aqueles com asas, são aqueles que idealizam o pensar, que são cabeças abertas, isto é, sempre alertas, para melhorar, até as melhores respostas, até a perfeição e executar. Quem sabe não é apenas mais um sonho louco, desta mente quente em um corpo frio?? Mais um arrombo que não passou de fio. Eu não tenho forças, será que as terei um dia?? Sou pura preguiça, paixão pelo conforto, do corpo e não do bolso. Mas quero me espreguiçar, sem dementes brancos ou judeus, vou confessar, também não quero aqueles de outros tons, só quero virtuosos iguais a mim, são tão raros, mas será que eles me querem??

Socorro!!! Socorro!!!

 

… mas em uma planície, de preferencia…

Anúncios

Tags:,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

2 responses to “Me tirem deste trem desgovernado chamado humanidade…”

  1. Davi says :

    Santo, abrande essa tua exasperação, apesar de ser totalmente justificável, não há como negar. A cada “indecência” se torne mais titã do que a terra possa suportar e lembre-se que não estás tão só assim, tem companhia e eu sou uma delas. =)

    Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: