Inteligência é uma idealização conceitual. A inteligência idealizada é a sabedoria, rara e desprezada.

Espera-se que pessoas inteligentes sejam perfeitas, que possam ser precisas, coerentes, objetivas, que possam ser iguais entre si, por causa de suas sabedorias, respectivamente individuais, porém seguindo o mesmo caminho, o caminho único que leva à perfeição, a diplomacia, a ponderação, a parcimônia. A vida é uma balança, se se pende muito para um lado, ela pode se destruir. Mas isso é uma idealização, a perfeição é quase impossível de se conseguir, mais difícil é dar-lhe um conceito igualmente perfeito. A sabedoria é a prática ou a filosofia do esforço que busca se aproximar da perfeição, nunca sê-la, é difícil demais.
A inteligência real é muito subjetiva por causa de sua diversidade, de sua complexidade orgânica em justaposição à complexidade ambiental, os lugares que foram moldados pelo homem, onde a natureza artificial humana, se faz reinante, substituindo a vida ”selvagem” de antes.
Muitos caminhos, egos e espinhos a serem percorridos, a inteligência real é falha, os sábios não tem vez, nem voz, poucos a ouve, os sábios são por deveras evoluídos, mesmo que sejam atávicos. A sociedade moderna é um grande Jardim de infância, nós não temos mais adultos, maduros, mas crianças. Não há qualquer grande responsabilidade pela vida, tudo é banalizado, mesmo quando havia certa moral, as regras mudam, tudo continua igual, o caráter do homem comum é modificavel, o dinheiro o pesca pelo anzol.
Inteligente é aquele que aprende, a maioria prefere dormir em seus sonhos, em suas pequenas ambições, enquanto que os maiores tubarões estão a se enfartar, de tanto poder e lascívia. O sábio, inexoravelmente, pende para o equilíbrio, o verdadeiro descobrir, duvidar, mesmo de si, mesmo deste coração orgulhoso, que reconhece a própria sombra, se for preciso e sempre será, ele se rebaixa e aprende, porque também é humilde. Poucos tentam se aperfeiçoar como filósofos, como pensadores e solucionadores de problemas. Ser o verdadeiro filósofo, o sábio ou aquele que tenta assim ser, é ser homem ou mulher de verdade, é coragem e responsabilidade, é empatia, é uma cadeia de harmonizações. Poucos são, poucos ligam pra isso, são caráter em miniatura. Suas mãos não alcançam. Se ouve desespero, passa rente, se cheira injustiça, fica transparente, se vê o mal reinando, reza em frente, se ilude, não tem real empatia. É alguém medíocre demais, incapaz, é um cidadão exemplar de Nações governadas por ladrões. Não sofre, esquece ou finge que não foi com ele. Se se compartilha o sofrimento alheio, se é contagiado, aí sim, vemos alguma janela, ou veneziana aberta a convite da sabedoria.
O aprendizado termina quando o ego pede arrego. Próxima parada, a morada de sua mente, é aqui, neste estabelecimento, neste motel. Seu dogma natural, seu instinto lhe prega peças, é uma criança perversa, um pestinha, ele te cega por suas brincadeiras traquinas, por seus trambiques. E tu, cai de joelhos e se torna um louco sem perceber. Mesmo os mais sóbrios, que tem menos a que imaginar, que tem uma vida formal, não tem uma dupla personalidade, também sofrem nocautes constantes por seu instinto que lhe é inconsciente. Lhe mostra um mundo sem pessoas reais, são rótulos a serem maltratados ou para vos dar regalos.
Todos falam dela, especialmente aqueles que as tem em seu mais íntimo, mas poucos a praticam em toda a sua voluptuosidade, em sua necessidade empática, solucionar para aqui e agora, eles precisam de ti, o orgulho fala mais alto, que se danem pessoas reais, pensam, eu quero vencer este debate, quero vestir os melhores trajes, ir no meu baile de gala, de minha Vitória infantil, enquanto tu se pintas de gênio da sabedoria, os astutos psicopáticos estão agindo no mundo real, tu és uma peça neste jogo, não é a cabeça, é um estorvo, não percebes?? Claro que não. Como poderia?!
Inteligência real é sabedoria, matemática é universal, abelhas fazem linda arquitetura, padrões estão a solta, cognição  pega e os molda, prédios lindos, arte de cair o queixo, este texto, aquele livro de gênio da imaginação, mas se nada caminhar para a mãe sabedoria, à sua supremacia, não será nada demais, não é super humano, muitos animais podem fazer. É a verdadeira degeneração, quando se dá as costas para a razão. Mas pensar, alongando o instinto, refletindo antes de agir, reconhecer o ambiente e todos os seus fenômenos ou ao menos, os mais evidentes e necessários, isso é extremamente raro, poucos os tem, mesmo entre humanos.
Talvez se possa transmitir, vícios são extremos, sabedoria é o equilíbrio, e representa a vida, sem ser uma afronta. Se pode ir tão longe e voltar para o colo de mãe, anciã sábia, a te adorar, tu podes confraternizar-se deste amor.
O pensar e servir a Deus, é o de harmonizar. A verdadeira boa ação, não é fé, é criar e sustentação. Não é esperança, é o agora. A inteligência que todos falam é o conceito de uma idealização, a sabedoria, queremos ser todos sábios, mas somos em sua maioria de inteligentes e isso não basta.

Anúncios

Tags:, , ,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: