Refutação de um dos pressupostos feito pelo blog ”Feminine Beauty”

Estilistas homossexuais ”preferem” as mulheres de aparencia andrógina….

ou as mulheres mais altas, que tendem a ter aparencia mais andrógina, por causa da maior carga de testosterona que contribui para o aumento de suas estaturas.

O blogue Feminine Beauty, é muito interessante e nos mostra, a partir de considerações do blogueiro, aquilo que parece óbvio a primeira vista, que as mulheres mais ”atraentes” tendem a olhar mais feminino enquanto que quanto mais comum forem as características ”masculinas”, mais andróginas elas serão.

Neste blogue também se fala sobre as mudanças de padrão de beleza feminina, que na época de nossos pais e avos, era marcado pela predominancia de mulheres curvilíneas e de aparencia mais neotenica, mais feminina.

No entanto, o blogueiro na minha opinião, cometeu um erro ao atribuir a mudança de padrão de beleza, especialmente aos etilistas modernos, que são em sua maioria de homossexuais. Segundo a sua tese, os estilistas modernos tendem a escolher mulheres com aparencia andrógina para trabalharem como modelos de passarela (especialmente), porque eles mesmos se sentem mais atraídos por este tipo de beleza feminina e ou também porque tendem a se sentirem representados por um padrão de beleza que os emula em aparencia, se a maioria dos homossexuais tendem a olhar mais neotenico do que o homem típico, mais andrógino. Alguma teoria freudiana a vista***

Eu apliquei a Navalha de Occam, ou tentei ao menos, para concluir que não existe tal coisa, de que os estilistas escolham as mulheres que mais lhe atraiam, até porque boa parte deles são homossexuais e não se sentirão atraídos por mulher, mas por homem. Reparem que enquanto que as modelos, de fato, tendem a olhar menos feminino e mais andrógino, como um pré adolescente, os modelos masculinos, em sua maioria, parecem bem ”normais” em tipo de beleza. Também não acredito que sejam os estilistas que atribuam valor sentimental (ainda que possa ser verdade de alguma maneira) a estética do tipo de mulher que simboliza a beleza ”moderna”, preferindo por aquelas que se pareçam com eles, até porque a maioria dos estilistas não são lá muito atraentes, de uma maneira ou de outra.

A explicação mais evidente para a escolha deste padrão de beleza parece se dar por causa da correlação biológica e demográfica ou estatística, entre androginia fisiológica e maior altura entre as mulheres. Portanto, na minha opinião, não se baseia em uma escolha 100% consciente, a não ser que as elites globalistas tenham em mente a androginização dos seres humanos, também por meio do mundo da moda.

Brooke Shields, Mia Stone and another glamour model; front view.

Um dos maiores símbolos sexuais da década de 80, por causa do filme ”A lagoa azul”, a atriz americana Brooke Shields, segundo o blogueiro da Feminine Beauty, seria mais masculina em aparencia. Vale ressaltar que maior masculinidade, necessariamente não deseja indicar menor beleza e Shields é um exemplo do que eu estou querendo dizer.

Eh possível, claro, mais uma especulação, que ao longo da evolução do mercado fashionista no século XX, os profissionais do ramo tenham percebido que as mulheres mais longilíneas, ”ficavam” mais elegantes nas roupas que produziam do que as mais baixinhas e justamente por isso que resolveram dar preferencia as mais altas. Outra explicação pode se dar pelo fato das elites tenderem a ter mais mulheres longilíneas, se renda, maior inteligencia geral e estatura, tenda a se correlacionar com maior riqueza.

Os homens são mais altos que as mulheres, em média, por causa da maior carga de testosterona, dentre outros aspectos biológicos. Eu não sou um super especialista no assunto, mas parece fazer sentido. Tudo ou quase tudo aquilo que define o homem em relação a mulher, em termos de biologia, se dará pela carga diferenciada do testosterona, o famoso cromossoma Y.

Eu já especulei que os homossexuais, especialmente aqueles do tipo mais neotenico, mais feminino, tendem a serem menores do que o macho humano típico e as razões são as mesmas daquelas que explicam a maior altura nas mulheres. Carga diferenciada de testosterona.

Portanto, ao contrário da explicação quase-freudiana e proto-conspiracionista do blogueiro do Feminine Beauty, as modelos fashion modernas são, em termos ambientais, o resultado de preferencias anteriores por mulheres mais longilíneas que ‘vestem’ melhor as roupas de alta costura, ao passo que seus rostos menos femininos do que de uma Pin-up americana da década de 40, são o resultado de uma tendencia correlativa, biológica e estatistica ou demográfica, em que o testosterona aparece como um fator importante, também na maior média de altura destas super-modelos. A menor carga de testosterona fazem os homossexuais femininos (assim como também os mistos) mais baixos e fracos, em média, do que em comparação ao típico macho humano, enquanto que uma maior carga do mesmo hormonio, fazem as mulheres  mais altas, que são ideais para o mercado fashion. Reparem que o hormonio testosterona não se manifesta nas modelos, apenas no rosto ‘‘tomboy”, ou na altura, mas também na voz, que tende a ser mais grave, menos feminina.

Anúncios

Tags:, ,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

6 responses to “Refutação de um dos pressupostos feito pelo blog ”Feminine Beauty””

  1. Xis Pita says :

    queria comentar, mas não tenho dados suficientes. pensando agora, talvez a magreza cada vez maior das modelos seja um contraponto ao aumento da obesidade geral. quanto mais gordo fica o povo e em especial o prole, mais a magreza é fetichizada como algo desejável. Leia lá meu blog, escrevi sobre gordas. Abs.

  2. Rodolfo says :

    Na verdade ele trata dessa hipótese no site dele e diz que existem mulheres altas e femininas o suficiente pata suprir o mercado da moda e se mesmo a assim as andróginas tem levado vantagem entao a um viés pela androginia em sí. Aliás, é um fenomeno bem moderno, já que as top models dos anos 80 não me pareciam tão andróginas. Pessoalemente, acredito sim que isso tenha a ver com o fato dos estilistas serem homossexuais. Se fossem heteros é provável que dessem preferencia a boazudas.

    • santoculto says :

      Eu estava para concordar com vc mas depois eu pensei que mesmo que fosse verdade que existissem mulheres altas femininas o suficiente para suprir o mercado, poderia ser possível que muitas delas, deste perfil, estatura e beleza feminina, fossem menos motivadas para seguir uma carreira de modelo, por causa da dieta, por escolhas pessoais ou por causa da rejeição de muitas delas em relação ao misterioso ”book rosa”.
      Sim, eu sei que ele trata do assunto mas eu não sei se ele tem como provar o que diz. Não que eu discorde dos planos das elites globalistas, a la Comte, segundo Henry Makow, sobre a estrogenizaçao da sociedade. Mas eu realmente não sei se os estilistas homossexuais descarreguem seus devaneios sexuais em garotas andróginas. Até pode ter uma conexão, mas os argumentos não parecem ser convincentes, ao menos pra mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: