Nova compilação de ideias

1- O curioso caso de Sanne Wevers. Sabedoria e a garota que sabia girar.

Pra quem está acostumado com as rotinas repetitivas que são executadas na ginástica artística feminina, a presença da ginasta holandesa Sanne Wevers em cima de uma trave, aparece como um fantástico frescor aos nossos olhos. Ao executar uma das rotinas mais (se não a mais) originais de trave de equilíbrio das últimas décadas, Sanne tem nos mostrado algo que se diferencia da paisagem repetitiva e mecanica da ginástica dos dias de hoje, sabedoria.

Alguns poderiam confundir a sua rotina original como criatividade, mas neste caso, não se dará por causa da contextualidade, visto que em um ambiente onde que a grande maioria das ginastas preferem ”seguir as regras”, a presença de uma ginasta corajosa que prefere ”fazer do seu jeito”, resplandece qualquer coisa boa, incluindo aí a tão amada e incompreendida criatividade.

Aquilo que Sanne faz enquanto se equilibra em uma trave de 10 centímetros, não é criatividade, mas sabedoria, porque ao se descobrir excelente no exercício de ”giro” (que a maioria das ginastas detestam), ela e seu pai-técnico resolveram então, explorar este talento natural e vejam só o resultado… fantástico, genial!!!

Sanne está fazendo o que todo mundo deveria fazer (menos os psicopatas, kkkkk), mostrando ao mundo e a si mesma as suas forças OU talento e não a sujeição mecanica as regras do esporte que para o bem do mesmo, merecem ser sutil e educadamente quebradas.

2- A norma humana é a de sempre estar equivocado.

 Portanto se acostume a estar errado, porque é muito provável que estará de uma maneira ou de outra. Ao menos que desenvolva a voz interior da sabedoria…

3- Naruto, Huxley, o fascínio pelos outsiders e pelo mais impactante de todos, o gênio.

Sim, no anime Naruto (que eu voltei a acompanhar porque se consiste em uma doce lembrança de 6,7,8 anos atrás a partir desta data) a metáfora do genio ou ao menos do outsider se faz novamente presente. Naruto, o personagem principal do desenho, nasceu diferente dos demais moradores da aldeia da folha, porque tem o monstro super poderoso ”raposa das 7 caudas” selado dentro do seu corpo. Alguma semelhança com o genio****

Naruto é temperamental, encrenqueiro, auto confiante, decidido, segura o rashi para comer o ”ramen” com a mão esquerda (bem, foi pelo menos o que eu já vi) e tem uma condição incomum, um enorme potencial de força e poder.

E não, os genios não são como que os fetichistas de qi gostariam que fossem… Uma das características mais marcantes da genialidade não é o intelecto avantajado, sabedoria, criatividade ou energia mental, mas justamente a sua raridade individual. A partir desta raridade que essas características poderão ser elencadas.

 

4- Gênio (principalmente o do tipo filosófico) o introvertido enérgico ou introspecção. E a raridade do genio. A maioria dos introvertidos são calmos e não-enérgicos.

 

Alguns tipos de genios são ”introvertidos enérgicos” e este perfil de personalidade caminhará para produzir a introspecção, ou a extroversão internalizada, os extremos das emoções, alegria, energia e imaginação vivenciadas em primeira pessoa ou entre voce e voce mesmo…

Personalidade introspectiva: o mundo não é SUA ostra, é UMA ostra.

A personalidade introvertida ou predominantemente introvertida mais uma intensa energia mental será um dos prováveis perfis cognitivos que expressarão a genialidade humana.

Mas introversão e extroversão podem ser menos aparentes em mentes incomuns. Portanto, ainda pode ser possível que o genio ou alguns tipos de genios possam ser como extrovertidos introspectivos ou seria melhor, extrovertidos internalizados e esta funcionaria como a energia interior, vívida, narcisista, alegre, jovial, positiva… que parece ser comum entre eles.

 

5- A personalidade quebrada do gênio: a dualidade faz a maioria dos seres humanos, primitivamente equilibrados ou conformistas e uma minoria de individualmente transcendentes ou revolucionários extremistas. O gênio é a antítese da dualidade.

 

Dualidade = instinto, programação natural ou da espécie.

O genio é a quebra desta naturalidade que rege todas as outras espécies não-humanas. E mais especificamente o genio filosófico-existencialista.

 

6- Pessoas excepcionalmente empaticas, os superdotados empaticos, tendem a serem completamente desprezados pelo ‘sistema’. Será que é porque o sistema também não é empático****

 

A pensar…

 

7- Adaptabilidade ou criatividade prática ou de sobrevivência não é o mesmo que adaptação.

 

ESTAR não é o mesmo que SER.

E se a seleção ”natural” ou cega se caracterizaria pelo predomínio do ambiente, então os ”contextualmente adaptados” é que serão selecionados e não aqueles com potencial de adaptabilidade.

Outro possível achado***

Criatividade prática, potencial de sobrevivencia ou melhor, sobrevivabilidade, potencial de adaptabilidade me parecem sinonimos de uma mesma panaceia de cognições similares… a capacidade de realmente se adaptar ao ambiente visando a sua autoconservação ou sobrevivencia.

Novamente o princípio filosófico-natural da autoconservação. Dar enfase as forças pessoal-evolutivas e usá-las como método de sobrevivencia e adaptação.

 

8- Grandes alterações ou instabilidade ambiental podem provocar maior variação natural das espécies. E raça branca, individualismo.

 

Ambientes instáveis podem causar maior variação das espécies por causa da perturbação do modo de vida habitual, por meio de ”estressores ambientais” e mutações epigenéticas.

A variação comportamental das populações caucasianas pode ter sido causada pelas interações de longo prazo entre o ambiente ou continente europeu e arredores, de clima instável, migrações constantes, misturas entre os grupos, antes da colonização dos agricultores, que pelo que parece, assimilaram boa parte das antigas populações remanescentes como os bascos.

 

9- Neotenia não é domesticação.

 

Mudei algumas de minhas ideias sobre neotenia e domesticação. Qual é a hipótese**

Eh a de que a neotenia se consista tanto na domesticação quanto na eugenia. Portanto não basta juvenilizar uma população. Para que produza a neotenia, também é necessário eugeniza-la. A juvenilização ou retenção de características juvenis, bem como também de características biológicas infantis, como curiosidade, em combinação com o aumento da inteligencia via encefalização.

 

10- Seleção Química e não sexual.

 

As pessoas são atraídas uns pelos outros, na maioria das vezes, por razões bioquímicas e não sexuais.

Anúncios

Tags:, , , , , , ,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: