Conformidade se relaciona com estabilidade mutacional

O louco e o rebelde

 

Cérebros ”saudáveis” ou ”mais saudáveis” reverberarão em uma melhor saúde fisiológica que reverberarão por sua vez em uma cultura neurológica ”saudável”. Pra que se preocupar não acham*** ”O mundo tá ruim, mas as coisas sempre se encaixam no final, sempre tem um final feliz”, não acham** Baixo psicoticismo e baixo neuroticismo, caracterizam o predominantemente conformista. Aquele que é dotado de uma calma inconsciente, que apesar de concordar que o mundo não está ruim, não está lá muito preocupado em melhorá-lo e se absorve em crenças positivas de esperança, a eterna esperança de que sempre haverá uma luz no fim do túnel.

Uma maior carga mutacional, quase sempre causada por predisposições genéticas, a famosa combinação dos genes de nossos pais, que na minha opinião, é o princípio fundamental de todos as expressões genotípicas humanas e de outras espécies, tende a produzir cérebros incomuns, muitos deles que virão com maiores custos. Como quando a programação evolutiva e reprodutiva, que faz com que a maioria se preocupe obsessivamente com a socialização e a procriação, é desligada por causa de uma morfologia cerebral diferente. Esta morfologia pode produzir um cérebro mais feminino em sua aparencia e dinamica interior em homens, o ”cérebro da mamãe, no corpo do filhinho”, e torná-lo homossexual.  Da mesma maneira que a lateralização anomala tenderá a desligar certos ímpetos naturais para procriação, ela também tenderá a desligar nossos ímpetos sociais, como as espécies de mamíferos que evoluíram para a socialização coletiva.

Portanto, uma das explicações biológicas para a existencia tanto da conformidade quanto da inconformidade é o tipo de lateralização. Percebam que os cérebros incomuns geralmente serão minoritários. Isso nos ajuda a entender porque as massas tendem a pensar parecido. Porque os cérebros que enxugam mais os custos de excessos mentais, foram selecionados pela natureza, não apenas em humanos mas também em animais. Voltando a minha constatação habitual de que, a natureza não é uma mãe não, é uma madrasta…

Desculpe-me Maggie, mas voce tem cara de madrasta.

Anúncios

Tags:,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: