Memória auto biográfica e depressão

Imagem

Maiores e melhores memórias auto biográficas podem se relacionar consideravelmente com maiores tendências para estados pré mórbidos depressivos à depressão, propriamente dita.

Por razões lógicas, aqueles que exibem melhor acuidade e frequência em experienciar mentalmente os eventos auto biográficos do passado, também estarão em maior risco de desenvolver emoções ”negativas” como tristeza, por ex, ao lembrar de períodos ou momentos de alegria, raiva, rancor e especialmente, se a vida no presente estiver abaixo das expectativas, onde  a sensação de descontinuidade de eventos que propiciaram ”emoções positivas” será maior e será interpretada como uma processo de degeneração do bem estar emocional. Esta sensação caminhará para resultar na depressão ou em estados pré-mórbidos.
Predisposição Genética
Sabe-se que pessoas que apresentam maiores conexões entre os dois lados do cérebro e portanto o tem de formato simétrico, tendem a ”experienciar” uma maior quantidade de emoções negativas. Pessoas com hiper ativação do lado direito do cérebro também tenderão a ter estes tipos de experiências em seu cotidiano. A tristeza e a melancolia, duas etapas extremamente semelhantes em conceito mas divergentes quanto à cronologia de uma tendência de longo tempo, como o tempo em comparação ao clima, são originadas deste tipo de organização e manifestação sistêmica neurológica.
Nascer com um cérebro conectado de maneira diferente com certeza que será um forte ponto a ser considerado. Canhotos e ambidestros, justamente aqueles que tendem a nascer com conexões variáveis do cérebro, estão mais expostos tanto para terem memórias auto biográficas acima da média quanto para desenvolverem depressão e outros estados pré-mórbidos como a melancolia.
Anúncios

Tags:,

About santoculto

Email ataudecinzento@gmail.com

6 responses to “Memória auto biográfica e depressão”

  1. Davi says :

    Eu sou melancólico na maior parte do dia, mas vário para alegria, que parece estar sempre presente com a melancolia, mas esta é “mais conhecida por mim”.
    Eu tenho uma memória biografia, que se não é muito boa, é quase.
    Isso me fez lembra do Tony Iommi guitarrista do Black Sabbath, que também é canhoto, e a sua memória biográfica é excelente! Percebe-se isso no seu livro autobiográfico.

    Eu só fico muito, muito feliz, igual um drogado, quando consigo criar alguma coisa. Ou quando estou em um estado de criações teóricas, que surgem do nada em minha cabeça…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De:RefémdoDrDeus Para:Deprimente mundo Assunto:Denúncia de maus-tratos a pensadores

...e Deus criou a Ângela,desapontado com a nossa Eva.Apresento-vos o meu "disco rígido" ...

renanbarreto88

Just another WordPress.com site

Castro456's Blog

O medo do nada

Delusions of Adequacy

And You Thought You Might Have Had Delusions of Grandeur

PARTO DE IDÉIAS

"Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância." Sócrates.

Pshelinha

Um pouco de mim..

Pensar Novo

"Saber que você precisa mudar não é suficiente. Você precisa ter a coragem de fazer esta mudança." Robert Kyosaki

Mind Hacks

Neuroscience and psychology news and views.

Inside Perspectives

of Asperger Syndrome and the Neurodiversity Spectrum

Agoraphobia Subliminal Hypnosis

Come out of the woods, the dark, come into the light. As a recovered agoraphobic, I've designed these audios over many years in order to help you. Charles K. Bunch, Ph.D.

Antimidia

Textos sem sentido, para leituras sem atenção, direcionados às pessoas sem nada para fazer.

%d blogueiros gostam disto: